Páginas

16 de out de 2012

Resenha de Série: Once Upon a Time

Caramba eu sumi mesmo!

Foi mal o desaparecimento galera, mas estou atolada de coisas pra fazer.

Hoje vim falar de uma série que eu estou apaixonada: Once Upon a Time. Se você não gosta de contos de  fada, não vai gostar dessa série. Agora, se você assim como eu ama histórias, vai ficar encantada.


A sinopse é a seguinte:


“Era uma vez… uma floresta onde vivam todos os personagens de contos de fadas que nós conhecemos. Ou achamos que conhecemos. Um dia eles se viram presos em um lugar onde todos os seus finais felizes foram roubados. O nosso mundo.”
A série começa com essas palavras e o primeiro episódio é destinado a mostrar como isso aconteceu. A Rainha Má, como todos sabem muito bem, nunca gostou muito dessa história de “felizes para sempre” e decidiu se vingar. A Rainha criou uma maldição que prendeu todos os personagens mágicos no mundo real, parados no tempo e sem saber quem são. Mas isso significaria o “felizes para sempre” da própria Rainha e, como o mundo real não é bonito assim, há uma pessoa capaz de mudar isso. Emma, filha da Branca de Neve e do Príncipe Encantado, cresceu sozinha no mundo real com o peso do abandono nas costas, mas não se deixe enganar pelas princesas: Emma é uma mulher comum, atual e nem um pouco boba. Ela levava uma vida até bem real antes de um filho que ela abandonou 10 anos atrás aparecer na porta de sua casa dizendo que os contos de fadas… bem, que eles são reais.

Vamos aos personagens:




A tal da Emma é bem descrente, acha que o menino Henry (que é uma fofura), está doidinho da silva, mas ela é aquele tipo de mulher que todas queríamos ser, sabe? Confiante, durona e decidida.

O Henry é um doce, filho da Emma e vive com a Rainha má (sua madrasta, no caso), ele quer porque quer que a sua mãe verdadeira acredite nos contos de fada.

A Rainha Má (Regina) é tuuuudo de bom, eu tenho uma queda por vilãs, sempre gostei da Rainha de Copas da Alice (que por sinal também dá as caras nesse seriado), a Regina é linda, sinceramente, bem mais bonita que a Branca de Neve, e conforme você vai conhecendo a história dela, você vai vendo que ela nem é tão má assim. Com certeza a melhor personagem da série.


Tem também a Branca de Neve e o Príncipe Encantado, que são importantes na série, mas eu num fui muito com a cara, ha eu não podia me esquecer do Rumplestiltskin, é, isso mesmo, esse é o nome do cara, ele é um feiticeiro bem doidinho pelo visto, mas que tem uma risada que eu acho o máximo.

A história num geral é contagiante, em uma semana vi a primeira temporada inteira, teve dias que fiquei até 4 da matina assistindo, sendo que as 8 tinha que estar trabalhando, por aí já dá pra ver o nipe da série.
Minha opinião: RECOMENDADÍSSIMA! Se faz o seu estilo de séries, você com certeza vai gostar.

Beijos
Até a próxima.